apresentado por

Electrolux

Homepedia
A arquiteta e Hana Lerner e a youtuber Valentina Schulz trazem as melhores dicas

Decoração para quarto juvenil: 6 ideias para adolescente nenhum colocar defeito

A arquiteta e Hana Lerner e a youtuber Valentina Schulz trazem as melhores dicas

A Youtuber Valentina SchulzA adolescência é uma fase em que, enquanto moldamos nossa personalidade, mudamos de ideia com frequência. Isso, é claro, reflete na decoração do próprio quarto.

Por causa da mudança contínua de humor e da identidade ainda em formação, as peças fixas do cômodo, como a mobília, têm de ser pensadas como suporte para os itens que refletem as referências que o jovem têm no momento, como livros, adesivos e elementos de decoração.

Para trazer dicas de como decorar o cômodo, convidamos a  arquiteta Hana Lerner e a youtuber Valentina Schulz (acima). Abaixo, elas contam como montar um lindo quarto juvenil.

Quarto da youtuber Valentina Schulz com cama retrô, urso de pelucia e guarda-roupas brancoQuarto da youtuber Valentina Schulz

1. Pense em espaços mutantes

Hana considera uma decoração descolada e um espaço confortável para ler, estudar e receber os amigos os elementos principais de um quarto adolescente.

Valentina conta que adora o cômodo e que sempre muda a decoração dele. “Atualmente, a parte que eu mais gosto é a parede atrás da minha cama, porque comecei a customizar com desenhos e aquarelas que eu mesma estou fazendo, então está bem a minha cara.”

Cama de quarto juvenil com almofadas coloridas e prateleira com livrosProjeto Hana lerner Arquitetura, papel de parede Ateliê Nina Moraes e foto Sambacine

2. Lembre-se das tendências

“Cama deck e balanço sempre fazem sucesso entre os adolescentes”, conta a arquiteta. Entre as tendências atuais para o cômodo, há tapeçaria para a decoração de parede, pintura no teto e ainda marcenaria e parede da mesma cor, tornando o espaço monocromático.

Outro detalhe em alta apontado por Hana é a moldura boiserie, técnica francesa aplicada na parede e que pode ter diferentes desenhos e formatos, deixando o ambiente aconchegante e com personalidade.

Quarto juvenil com cama deck de madeira, balanço e espelho redondoProjeto Hana lerner Arquitetura, enxoval Nara Maitre e foto Sambacine

3. Mude pontos de luz

Preste atenção às instalações do cômodo, que devem estar em bom estado. “Nem sempre é necessário trocar o piso ou a janela, por exemplo. Mas é sempre importante realocar os pontos de energia elétrica e luminotécnica de acordo com o novo layout”, afirma Hana.

Quarto juvenil com luminária de nuvem, poltrona cinza e prateleiras brancas

4. Considere móveis multifuncionais

Para otimizar um espaço pequeno, colocando uma bancada ou mesa de escritório, Hana recomenda que os móveis tenham funções múltiplas. “Uma mesa de estudo pode ter uma gaveta de penteadeira, por exemplo. Adoro projetar mezaninos para ganhar mais espaço. Embaixo deles, podemos montar um espaço de leitura com futons”.

A arquiteta conta que deixar o centro do quarto livre e optar por móveis claros feitos sob medida dão a sensação de que o ambiente é maior.

Quarto juvenil com beliche de madeira e almofadas coloridasProjeto Hana lerner Arquitetura, papel de parede Ateliê Nina Moraes e foto Sambacine

5. Reserve espaço para as visitas

Pufes e almofadões são confortáveis para montar um cantinho de receber os amigos. “Se a mesa de estudo for grande, coloque duas cadeiras para receber um amigo”, indica Hana.

Para quem gosta de mudar o espaço constantemente, Valentina aconselha apostar em móveis e paredes brancas. “Assim, você pode brincar com cores e acessórios que você estiver curtindo no momento.”

Quarto juvenil com cama deck, balanço, parede de tijolinhos brancos e almofadas coloridasProjeto Hana lerner Arquitetura, enxoval Nara Maitre e foto Sambacine

6. Leve em conta os gostos pessoais

A arquiteta considera que valorizar elementos que o adolescente gosta ajuda a deixar o quarto com a cara do dono. “Por exemplo, se ele gosta de esportes, coloque ganchos para pendurar as medalhas. Uma parede bem decorada, usando os itens que fazem parte do universo e gosto de cada um, deixa o espaço com personalidade.”

Ela afirma ainda que elementos interativos não podem faltar, como um painel de fotos e um de desenhos para que os amigos deixem recados.

A arquiteta Hana Lerner, especialista em quartos de crianças e adolescentes A arquiteta Hana Lerner, especialista em quartos de crianças e adolescentes

 

Veja mais relacionados

    Produto 1
    Quarto

    13 vezes em que o papel de parede brilhou na decoração do quarto

    Produto 1
    Quarto

    DIY quarto decorado: influenciadores dão 3 dicas criativas

Publicidade Publicidade Home