apresentado por

Electrolux

Homepedia
Usar o eletrodoméstico em sua bancada dá a ela um aspecto de continuidade, o que proporciona uma sensação de a

Cozinha planejada: 6 coisas que você precisa saber na hora de instalar o fogão de embutir

Usar o eletrodoméstico em sua bancada dá a ela um aspecto de continuidade, o que proporciona uma sensação de amplitude ao ambiente

Se você está pensando em uma cozinha planejada – ou mesmo se já tem uma –, saiba que um fogão de embutir resulta no melhor casamento possível. Além de unir forno e fogão em um único eletrodoméstico, ele também leva vantagem se comparado a um fogão convencional.

Fogões de embutir, instalados na bancada, dão a ela uma sensação de continuidade que faz com que a própria cozinha pareça maior. Além disso, como não deixa vão entre o equipamento e a bancada, ou mesmo sob ele, você não corre o risco de derrubar ou respingar alimentos nesses locais – que são, convenhamos, difíceis de limpar.

Fogão de embutir instalado em uma bancada

Antes de escolher o seu fogão de embutir, há pelo menos seis aspectos a serem considerados – além, claro, da premissa de que é sempre importante chamar um técnico para a instalação. Vamos a eles:

1. O tamanho do eletrodoméstico

Para escolher entre um fogão de 4 bocas e um fogão de 5 bocas, há dois importantes aspectos a serem considerados: a necessidade dos moradores da casa, que depende basicamente da quantidade de pessoas, e a disponibilidade de espaço.

No entanto, o modo como você cozinha também é importante. Mesmo que sua família tenha poucas pessoas, mas você goste de fazer pratos mais sofisticados, com preparos simultâneos, pode ser o caso de pensar em um fogão maior, como o Fogão com Porta Full Glass e Timer e Relógio Digitais 5 Queimadores de Embutir (76BER).

Fogão com Porta Full Glass e Timer e Relógio Digitais 5 Queimadores de Embutir (76BER), da Electrolux

Legenda: Fogão com Porta Full Glass e Timer e Relógio Digitais 5 Queimadores de Embutir (76BER), da Electrolux

2. O espaço disponível para um fogão de embutir

Se você está planejando uma cozinha, a melhor coisa é já escolher antes o modelo de seu fogão. Com as informações de tamanho, altura e largura, você pode fazer o nicho do tamanho perfeito para acomodá-lo. Caso você já tenha uma cozinha pronta, talvez seja necessário fazer adaptações na marcenaria e na bancada.

Fogão de embutir instalado e visto de cima

3. O local que ele vai ocupar

Quanto mais próximo o fogão estiver da bancada de preparo de alimentos melhor, já que o manuseio dos ingredientes fica mais fácil. É interessante também o fogão estar perto da cuba da pia, para você ter mais praticidade para limpar os utensílios usados nele. 

Fogão de embutir instalado perto da bancada

4. Gás de botijão ou gás natural?

Há duas possibilidades: o gás liquefeito de petróleo (GLP), que é o convencional gás de botijão, ou o gás natural (GN), que chega encanado direto da rua. Na maioria das vezes, o fogão vem preparado para o GLP, caso, por exemplo, do Fogão de Embutir Electrolux 4 Bocas com Acendimento Automático (56EAB)

Se em sua casa o sistema for GN, é possível fazer a conversão com o Kit Instalação Gás GN/GLP encanado para Fogão/Cooktop e Forno de Embutir com Registro, também da Electrolux.

Cozinha planejada com fogão de embutir

5. Onde está a tomada

Outra coisa importante a ser levada em conta é o local da tomada para seu acendimento automático. O ponto elétrico não pode estar posicionado atrás do forno e o cabo elétrico não pode “cruzar” o eletrodoméstico pela parte de trás.

Fogão de embutir e o local da tomada

6. O local do ponto de gás

Na hora de planejar sua cozinha, é preciso saber o local do ponto de gás. O tamanho máximo permitido da mangueira do fogão é de 1,25m – se o ponto não estiver no lugar certo, um técnico pode fazer o complemento da tubulação com tubo de aço ou de cobre.

Por medida de segurança, o registro de gás deve ser exclusivo, com fácil acesso para que possa ser desligado. Além disso, a mangueira nunca deve atravessar o fogão por trás.

Publicidade Publicidade Home

Mais Lidas